Questionado pelo Estadão se pretende disputar a sucessão presidencial em 2022 e se promete ficar no cargo de governador até lá, João Doria repetiu a mesma resposta:

“Não é hora de falar falar nisso.”

E continuou:

“Temos de falar de propostas, compor o governo, falar de gestão. Acabamos de eleger Jair Bolsonaro, todo apoio a ele. Vamos fazer o foco nisso”

O jornal insistiu em confirmar que não há negativa sobre sua eventual candidatura presidencial.

“Nem há negativa nem afirmativa. Vamos fazer foco no que é importante. O importante agora é apoiar o Bolsonaro para que ele possa fazer um bom governo. Proteger o Brasil com mais empregos, mais renda. Não temos nem de pensar em 2022 e nem sequer nas eleições de 2020.”

Comentários

Carregar mais Artigos relacionados
Carregar mais por Redação 79
Carregar mais em Política
Os comentários estão fechados.