Justiça manda soltar Augusto Bezerra e Paulinho das Varzinhas

A decisão foi do desembargador Roberto Porto, que mandou soltar os ex-deputados Augusto Bezerra e Paulinho das Varzinhas da prisão domiciliar.

Por conta da decisão fundamentada no entendimento recente do Supremo Tribunal Federal, que acabou com a obrigatoriedade de prisão de reús condenados em 2ª instância, os ex-deputados acabaram sendo privilegiados.

Se encontram também em liberdade Nollet Feitoza e Ana Cristina Varela Linhares.