Danielle Garcia é o nome, mas Kitty Lima também está na disputa

A disputa interna no Cidadania tem passado até mesmo pela alta cúpula do partido, deixando figuras conhecidas chateadas como as decisões tem sido tomadas. E quando se trata de eleições tudo pode acontecer, até mesmo nada. Algo é certo, liderar um grupo político nunca é fácil.

Uma fonte em off da legenda, disse que existe uma acirrada disputa entre a delegada Danielle Garcia e a deputada estadual Kitty Lima, isso porque a parlamentar tem em mãos pesquisa que dá a mesma preferência popular, digamos que a deputada tenha subido nas pesquisas de intenção de voto, já a delegada teria estacionado, algo normal quando estamos há meses das eleições, essa briga de egos pode levar a dimensões até mesmo de divisão do grupo, deixando o senador Alessandro Vieira em maus lençóis.

Uma curiosidade: O novo instituto de pesquisas criado ano passado é de propriedade de um ex-assessor da deputada Kitty Lima, esse mesmo instituto foi o responsável pela pesquisa que deu uma larga vantagem a parlamentar, parece que muitos dirigentes do Cidadania ficaram apreensivos com a pesquisa, muitos acham que não representa a verdade das ruas.

Uma coisa é certa, a chance da delegada Danielle Garcia ser o nome do Cidadania à prefeitura de Aracaju é grande, mas existe também o desejo da deputada Kitty Lima de ser a indicada, longe de mim enaltecer os prós e contras dessas aguerridas mulheres, mas no final valerá a decisão da razão e não da emoção. Querer ser é uma coisa, ser o nome natural é outra.

Até o dia do anúncio muita água vai passar debaixo da ponte. Os bastidores do poder são bem agitados, diferente da linha de frente que é calma e silenciosa.