Dr. Emerson vai para o PPS, mesmo com a desistência de Marina

CMA / Arquivo

Ontem, o Portal 79 publicou matéria informando da decisão da Executiva Nacional da Rede Sustentabilidade pela não aprovação da fusão com o PPS. Com essa decisão inesperada, a Rede pode manter-se viva com os filiados que restarem, mas é sabido por todos que será uma agremiação esvaziada e morta, sem poder de decisão, sem digamos grandes nomes a nível nacional e local.

A decisão de não fundir-se coube a liderança da ex-senadora Marina Silva, que mostrou algo muito evidente, falta de diálogo, transparência e acima de tudo vontade do PPS em receber os filiados da Rede em seus quadros. Aqui em Sergipe, Dr. Emerson já afirmou que vai para o PPS, seguirá agora sob a liderança do senador Alessandro Vieira, atual presidente da sigla no Estado.

“Sergipe tem muitos redistas, sendo possível e provável que parte desses continue (no partido). O processo de filiação nos partidos é individual e pelo site. Mas o TSE só filia duas vezes por ano: abril e outubro. Portanto, até o próximo mês, ninguém será filiado ou desfiliado, período em que as filiações serão simbólicas. Eu irei para o PPS”, declarou o ex-vereador Dr. Emerson Ferreira