Vale tudo na campanha política ?

Vale o que estiver dentro da Lei Eleitoral, mas, alguns candidatos acham que podem burlar a mesma e fazer suas próprias regras. Tem candidato que se acha espertinho demais, coloca a carroça na frente dos bois, e acaba pedindo orações aos fiéis.

Ao que tudo indica, os candidatos a governador nessas eleições deverão não somente ter simpatia, mas, apreciar e escutar várias reclamações, a população está mais atenta aos Ficha Sujas, aqueles políticos que só querem renovar mais um mandato junto as urnas. Já aqueles candidatos “novos”, querem entrar para usufruir o poder, fazer com quê os seus desejos mais profundos se tornem realidade.

Salva-se uma pequena minoria, que de fato, quer fazer algo pelo País, mais para saber quem é quem, só investigando a vida do candidato, procurando processos, a vida daquele político que ao passar na rua pediu meu voto, e olhou nos meus olhos, dizendo que era honesto e etc…

Tudo é válido, para saber em quem você deve votar e por que. Eu costumo dizer que nada é por acaso, a tecnologia veio para informar, prejudicar, ajudar, enfim, fazer o bem e o mal, claro, que dentro do limite ético de cada individuo. Atentar para a importância do voto é fundamental, principalmente os jovens com 16 anos, que devem exercer o seu primeiro voto, algo muito especial para qualquer cidadão.

Por fim, desconfie daquele político que promete isso e aquilo, eles não podem ser reais, os que prometem demais, serão os mesmos que depois de eleitos não olharão nos seus olhos. Escolha o melhor candidato, não se deixe enganar por rostos bonitos, esses são os piores e lembre-se: a política não é cabide de empregos, a política é um poder dado ao povo, que precisa ser utilizado para o povo.