06.set.2018 (quinta-feira) – 16h39
atualizado: 06.set.2018 (quinta-feira) – 18h25

Um ato de campanha do candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, foi interrompido na tarde desta quinta-feira (6), em Juiz de Fora (MG), após um tumulto generalizado. Segundo a Polícia Militar de Minas Gerais, o presidenciável levou uma facada na região do abdómen.

No momento da confusão, Bolsonaro estava sendo carregado nos ombros por um apoiador de sua campanha, fazendo corpo a corpo com eleitores, na região do Parque Halfald. Enquanto ele acenava para os simpatizantes de sua candidatura, uma pessoa se aproximou dele e, supostamente, deu uma facada.

Segundo a PM, o autor do golpe chama-se Adelio Bispo de Oliveira, tem 40 anos e é da cidade mineira de Montes Claros. De acordo com a instituição, Adelio confessou o crime.

Em vídeos que circulam em redes sociais, é possível ver Bolsonaro ser atingido em meio à multidão. Logo depois, o candidato foi carregado para um carro e levado para a Santa Casa de Juiz de Fora.

Chegou ao hospital com pressão baixa. Foi submetido a uma cirurgia e ainda segue em atendimento.

“O paciente Jair Messias Bolsonaro deu entrada no hospital por volta das 15h40 com uma lesão por material perfurocortante na região do abdômen. Ele foi atendido na urgência, passou por um exame de ultrassonografia e agora está no Centro Cirúrgico”, afirma nota do hospital.

Veja vídeo no momento exato que o candidato Bolsonaro foi esfaqueado:

Comentários

Carregar mais Artigos relacionados
Carregar mais por Redação 79
Carregar mais em Eleições 2018
Os comentários estão fechados.