O foco era o cumprimento de três mandados de prisão e cinco de busca e apreensão em diferentes residências, a maioria no Conjunto Jardim

Um vereador e mais duas pessoas foram presas na manhã desta terça-feira (27) em uma operação da Polícia Civil em Nossa Senhora do Socorro (SE). O foco era o cumprimento de três mandados de prisão e cinco de busca e apreensão em diferentes residências, a maioria no Conjunto Jardim. A defesa do vereador disse que vai procurar saber mais sobre o assunto para falar. A SSP informou que o vereador também foi preso suspeito de envolvimento em homicídios, porém a informação foi corrigida às 7h55 (horário local).

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE), o principal alvo era o vereador José Hilton Vieira dos Santos, mais conhecido como Zé Ailton (PDT), eleito pelo município de Nossa Senhora do Socorro.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em residências de pessoas próximas do vereador, todas no Conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro, com exceção dos mandados de busca e apreensão e o de prisão na residência de um segurança de Zé Ailton, localizada no Bairro Jabotiana, em Aracaju.

Segundo o delegado Osvaldo Resende, a Polícia Civil tinha em mãos 11 denúncias feitas através do 181 desde 2015, mas tinha dificuldade em encontrar provas contundentes a respeito do envolvimento do vereador com uma associação criminosa armada e que financia o tráfico de drogas na Grande Aracaju.

Na representação enviada ao Poder Judiciário pela secretaria, a polícia explicou que há também fortes indícios e materialidade da prática de lavagem de dinheiro realizada pela associação criminosa, para conferir aparência lícita ao lucro obtido com o tráfico de substâncias entorpecentes. Pelo menos, recentemente, 36 motos e carros de luxo foram detectados em nomes de parentes e pessoas próximas de Zé Aílton.

Investigações

 

De acordo com a SSP, as investigações começaram graças a um levantamento feito por investigadores do Departamento de Narcóticos da Polícia Civil (Denarc), em 4 de outubro deste ano, em uma residência no Conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro. Uma informação sigilosa levou uma equipe do Denarc a checar a informação sobre a chegada de um carregamento de drogas. Na casa, os agentes encontraram uma espingarda calibre 12, munições e cerca de dez quilos de maconha.

As investigações e técnicas de perícia levaram a descobrir que a droga pertencia a Zé Ailton. Um veículo, utilizado pelo vereador, também foi apreendido.

A SSP informou ainda que o vereador já foi condenado a três anos de prisão por ter sido preso e autuado em flagrante na madrugada de 2 de dezembro de 2014, portando ilegalmente uma pistola ponto 40. Também já foi flagrado pelo crime de receptação, pois estava com um veículo com restrições de roubo. No momento da abordagem, o vereador portava o Certificado de Registro e Licenciamento do veículo falso.

Comentários

Carregar mais Artigos relacionados
Carregar mais por Redação 79
Carregar mais em Sergipe